quarta-feira, 13 de novembro de 2019

Empresa que criará CGI de James Dean quer fazer o mesmo com outros artistas

O anuncio de que James Dean estará de volta ao cinema por meio de CGI, pegou muita gente de surpresa. Algumas gostaram outras nem tanto.


James Dean/Reprodução
James Dean/Reprodução

De acordo com a Variety, a CMG Online, empresa de licenciamento de propriedade intelectual, se uniu ao estúdio Observe Media e formaram o Worldwide XR. A nova empresa planeja criar mais CGI de artistas mortos para colocarem nos filmes atuais.


A empresa possui os direitos de mais de 400 artistas e Burt Reynolds , Andre the Giant , Maya Angelou , Bettie Page e até Lou Gehrig já podem estar nos planos da empresa para a criação de CGI.

Recentemente, o ator Chris Evans, criticou a ideia de fazer um filme com Jamens Dean em CGI. Nas redes sociais o ator compartilhou sua opnião. Conifra:

"Tenho certeza que ele ficaria emocionado. Mas isso é horrível. Talvez consigamos um computador para pintar um novo Picasso. Ou escreva algumas músicas novas de John Lennon. A completa falta de entendimento aqui é vergonhosa.

Elijah Wood, ator da saga Senhor dos anéis, também compartilhou sua opinião: "Não. Isso não deveria acontecer."

Postar um comentário

Whatsapp Button works on Mobile Device only